terça-feira, 26 de outubro de 2010

Por quanto tempo


A saudade tem sua utilidade
Essa presença dolorosa, em nossas vidas
Sempre surge
Quando não é o momento da separação
Sendo a ùnica forma de te ver
É fechando os olhos
Mas o que faço sem teu sorriso
Não ouço mais tua palavra amiga
Devo esquecer os momentos agradáveis?
Hoje vivo em um mundo sem cor
Você me disse que seria por um tempo
Lembre-se o tempo e sempre relativo
Pensei mas quanto seria esse tempo
Um minuto, já se foi,
Um dia, eu suporto
Um ano,
Ao pensar nisso entro em desespero
Ficar sem você, ai já é demais
Nessa hipótese,
Me diz o que faço com essa saudade
Então nao deixe o capricho nos separar
E lembre-se sentimento assim  é raro
Então não me prive mais de sua companhia
Pois agora você já tem meu carinho
Não vou te procurar mais ,
(Te enganei, Mentira!!! RSRS)
Quando acabar de ler esse texto,
Feche seus olhos, e sinta meu abraço
E lave a alma de qualquer magoa
Isso nao é uma declaração de amor,
Mas eu confesso, é algo maior que isso
Pois a amizade verdadeira é eterna



2 comentários:

  1. LINDO, RIC!! TO ADORANDO SEU BLOG! ESTA BEM DIVERSIFICADO!! PARABENS! TE ADORO!!

    ResponderExcluir
  2. Adoro esta poesia! É muito bonita! bjsss

    ResponderExcluir